Como economizar na manutenção do seu carro

Como economizar na manutenção do seu carro

Ter a independência do carro próprio é uma grande conquista na vida de muitos brasileiros, mas todos sabem que os gastos para manter um automóvel vão muito além do seu valor de compra. Segundo especialistas, o gasto médio mensal que o proprietário tem com o carro equivale aproximadamente a 2% do valor total do veículo. Por exemplo, ao comprar um carro de R$40 mil, seu gasto mensal com o automóvel ficará em torno dos R$800,00.

Manter o carro sempre em bom funcionamento, realizando revisões regulares, ajuda a evitar grandes gastos com futuros problemas. Mas, além disso, também é possível seguir algumas dicas para economizar no dia a dia. Confira!

Gasolina

Abastecer o carro já se tornou a hora mais triste do dia para quem dirige, tendo em vista o alto preço do combustível. O que pode ser feito é economizar na hora do consumo. Evite usar o seu carro para percorrer distâncias curtas, o simples fato de ligar e desligar o motor com frequência já contribui para um acréscimo de 30% no gasto de combustível. Também é recomendado evitar o uso desnecessário de dispositivos elétricos, como ar-condicionado, GPS e rádio, sendo o combustível também é utilizado para recarregar a bateria.

Pneus

Para que a vida útil dos pneus seja prolongada é recomendado que se faça com periodicidade o alinhamento e balanceamento do veículo. Isto impede que os pneus se desgastem de forma desigual e excessiva. Fazer esta checagem a cada 10 mil quilômetros rodados já vai lhe ajudar a economizar.

Velas

Pensar nas palavras motor + oficina já lhe deu um calafrio no bolso? Pois para evitar que o “coração” do seu carro tenha problemas graves, você pode ficar atento às velas, por exemplo. Elas são fundamentais para o funcionamento do motor e devem ser trocadas em média a cada 15 mil quilômetros rodados. É preciso manter este alerta de troca gravado na sua agenda ou celular, pois você pode não sentir diferença no desempenho do carro mesmo que as velas estejam danificadas. É um daqueles problemas que geralmente você só descobre quando já é tarde demais.

Como economizar na manutenção

Cuidado com o peso

Não estamos falando daqueles quilinhos a mais que você ganhou no Natal, mas sim de carregar no seu carro mais peso do que ele suporta. Quanto mais pesado ele estiver, mais combustível será necessário para ele se mover e mais pressão será feita nos pneus. Fique atento também à calibragem correta para o seu carro, dirigir com pneus murchos reflete no aumento da força de arrasto do veículo, exigindo mais força do motor e, consequentemente, consumindo mais combustível.

Ar-condicionado

Ok, falar sobre isso em pleno verão é complicado, mas o ar-condicionado é um dos grandes beberrões de gasolina do seu carro. Cada vez que ele é acionado, acaba exigindo mais força do motor, o que reflete no aumento do consumo de combustível. Espere o ar quente sair do carro antes de ligá-lo e, obviamente, feche os vidros quando ele estiver funcionando. Por outro lado, manter os vidros abertos quando você está rodando acima de 80km/h prejudica a aerodinâmica do carro devido ao aumento da resistência do ar, afetando seu rendimento e fazendo com que o veículo gaste ainda mais combustível.

Troca de marcha

Sabe aquele carro que passa “gritando” tanto que chega a dar pena? Não faça isso com o seu automóvel. Todos os veículos trazem no manual do proprietário a velocidade certa para a mudança de marcha, que deve levar em conta o torque do carro. Por exemplo, um carro a 40 km/h não pode estar em 5ª marcha, assim como você não deve chegar a 100 km/h em segunda. Nos dois casos o carro estará gastando mais do que o necessário e a sua conta bancária é que vai acabar gritando no final do mês.

Freios e amortecedores

Verifique ao menos uma vez por semana o nível de óleo dos freios e lembre de checar também como está o desgaste das pastilhas para evitar sustos no trânsito e na conta da oficina. Caso você perceba na garagem que há algum vazamento de óleo no seu carro, pode ser também devido a algum problema no amortecedor. Se após você passar uma lombada o seu carro sacudir em excesso, pode ser que já esteja na hora de trocar os amortecedores.

Fique atento ao seu carro

Todas essas dicas convergem para uma só: preste atenção ao funcionamento do seu carro. Abaixe o som ao dirigir e ouça o motor para ver se não há nada solto, ou rangidos e barulhos que possam indicar algum problema. Use gasolina de qualidade, dirija com responsabilidade e nas velocidades indicadas para cada via, faça revisões regularmente e organize um calendário para checar cada item no período correto. Seguindo estas dicas, seu amigo de quatro rodas lhe trará mais diversão do que dor de cabeça!

VEJA TAMBÉM:

4 dicas para fazer o motor do seu carro durar mais
Revisão de final de ano - Dicas para o seu carro fazer uma boa viagem
Saiba como limpar os bancos de couro do seu carro - Grupo Geração
Tipos de macaco para carro e como usá-los
Como economizar na manutenção do seu carro